Skip to content

As coisas do Espírito

18/12/2013

Batismo no espírito

Ora, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque lhe são loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.” 1Co2:14

Se conhecemos e desenvolvemos pouco nossas capacidades e talentos naturais, o que dizer da vida espiritual? O que entendemos a respeito do nosso espírito?

A verdade é que estamos engatinhando…

Mas Deus é espírito e importa que seus adoradores o adorem em espírito e em verdade (Jo 4:24).
Importa que seja em espírito porque não tem como aceitar, entender ou discernir a Deus e as coisas espirituais naturalmente – são uma loucura para a razão, confusão para a emoção.
Isso porque ‘em espírito’ é outro nível, é outra coisa.

Nesse nível descobrimos na prática que somos mais que corpo e alma. E que ser inteiro, e completo envolve o espírito.
Existem outras realidades (extraordinárias!) – não são só os hormônios que governam nossa vida, por mais forte que sejam.
Poder e força também fluem do espírito, e influenciam todo o resto. O espírito na verdade sobrepõe, e domina, se você permitir. Comanda corpo e alma, renova corpo e alma. E esse é o seu devido lugar: o mais excelente.

Nessa esfera você questiona a origem das influências e sensações na sua vida, o que é muito útil. Identifica se um sonho é espiritual ou emocional, por exemplo (porque sonhos são uma maneira legítima de Deus falar mas também um escape natural do corpo e da alma). Se uma tendência, ou uma vontade é uma força natural ou espiritual. Se um estado físico é fruto de opressão espiritual ou de uma necessidade biológica.
Se você discerne a origem, fica mais fácil lidar: rejeitar, posicionar, receber…

É a esfera da mentalidade espiritual – de como o espírito concebe e reage, e é essa realidade que precisamos incluir na nossa história de vida. As capacidades do espírito, com sua linguagem, expressão e percepção nos levando a uma impressionante dimensão.

São dons que se desenvolvem pela graça, de uma maneira praticamente espontânea, mas que dependem também de estímulo, zelo, cuidado, disciplina e insistência. (1Co 14:1)

Enfim, por muito tempo você pode ter ignorado o seu espírito, até porque ele estava morto (não dá pra dizer se simbolicamente ou de fato), mas Jesus dá vida a ele e acesso às coisas espirituais – e o mais importante, ao próprio Deus. Esse é o momento de prestar atenção ao seu espírito, buscar os dons espirituais e ouvir o que o Espírito Santo tem a dizer.

“para que sejais fortalecidos com poder, mediante o seu Espírito no homem interior” (Ef 3:16)

 

rodapé blog adri

2 Comentários leave one →
  1. Danny Andrey permalink
    18/12/2013 10:32 am

    Estava penaando neste versículo nesta semana, muito bom!

  2. Gui permalink
    18/12/2013 10:27 am

    Muito bom!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: