Skip to content

Filosofia barata

26/07/2013

image

 

si850999b

“pra onde irei? Se só tu tens as palavras de vida eterna…”

Quando estou à vontade eu falo à vontade: tenho certeza que falar é terapêutico, e que é importante se expressar, se abrir, opinar…por mais que importe pouco pra maioria das pessoas que ouvem! – é bom pra quem fala. 

Mas quando não sou eu o foco (e quase nunca sou) então é bom reavaliar o falatório…cuidar com os clichês, os princípios, as teorias… as lições de vida… Parar de generalizar tudo e determinar tudo já ajuda bastante. E principalmente, limitar os achismos e as suposições a respeito de Deus e do sentido da vida…

A filosofia barata sai fácil pra qualquer um. E é barata porque passa uma idéia na cabeça e pronto – não gasta para testar, confrontar. A única certeza é a de que é uma profunda baboseira categórica. E se rima então! Quanta revelação…nas pecinhas encaixadas pra soar bonito, tanta coisa profunda!

Assim todo mundo vira poeta, profeta, pregador…

Eu não confio em jogo de palavras e nem quero ser poeta.

E continuo na crise de encontrar algo realmente precioso e importante: pra ouvir, e pra falar.

Já fiz voto de silêncio mais de uma vez: para sentir o peso das palavras, porque preciso falar. Mas quantas vezes me atrapalhei, me confundi, exagerei, gaguejei, travei, desisti. Já fui mal e esquisitamente interpretada. Já enfatizaram e fizeram tanto rolo com o que eu nem queria dizer, mas de alguma maneira eu disse. 

É um grande desafio: além do conteúdo, cada vírgula importa, o tom importa, as pausas importam, tua cara importa, tua roupa importa. E é como flecha lançada, diz o provérbio: não volta mais. 

Creio que a isso se chama Verdade: palavras legítimas, símbolos fiéis do que representam. Na hora certa são como uma bomba, quem nunca viu isso acontecer? Confiantes, simples, urgentes. Saem espontâneas, sem afetação. Livres da lisonja, da manipulação…e das segundas intenções. Nem mais, nem menos, e com peso e impacto porque são o que são, não porque soam bem. Como um documento importante, permanecem. Fazem o que tem pra fazer. Saem e cumprem o seu destino: como as que saem da boca de Deus.

É isso que estou procurando (pra ouvir e pra dizer) e na maioria das vezes penso como Pedro: “pra onde irei? Se só tu (Jesus) tens as palavras de vida eterna…”

Do que eu ouço e do que eu quero falar, não fica muita coisa depois de passar por algumas peneiras. 

É claro que dá para encontrar coisa boa…útil, eficaz – a Verdade que é libertadora! 

Mas quantas vezes, em tantos lugares, e até diante da igreja, fiquei gritando dentro de mim: “Jesuuus, fala você! Como o som de muitas águas, ou como uma brisa suave…queremos ouvir as Tuas palavras de vida eterna que definitivamente só o Senhor tem!…e quem tiver ouvidos pra ouvir, ouça o que o Espírito tem pra dizer.”

Ah, se fosse só assim… Seria muito mais fácil.

“Então, disse eu: ai de mim! Estou perdido! Porque sou homem de lábios impuros, habito no meio de um povo de impuros lábios……..” Isaías 6:5

 

rodapé blog adri

7 Comentários leave one →
  1. Gledson permalink
    09/06/2016 12:09 pm

    Sabias palavras!

  2. Tiago Ferreti permalink
    09/06/2016 1:38 am

    Topzeraa Pastora!!!!!!

  3. Gui Figueiredo permalink
    08/06/2016 6:40 pm

    Sensacional!!

  4. Debora Gomez permalink
    02/01/2014 4:08 pm

    Demais mesmo! Venho pensando muito sobre isso que foi dito. Tenho percebido a cada dia o verdadeiro valor da palavra.

  5. 26/07/2013 11:00 am

    Simples e Verdadeiro.. Demais Pastora!

  6. mireia permalink
    26/07/2013 10:23 am

    Muito bom!

  7. Gui permalink
    26/07/2013 9:14 am

    Demais!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: